tag-header Conheça novo sistema de sinalização que irá guiar pedestres e condutores até o HSL - HSL - Hospital São Lucas da PUCRS

Conheça novo sistema de sinalização que irá guiar pedestres e condutores até o HSL

Mudanças iniciam com novas nomenclaturas para acessos em toda extensão territorial da PUCRS, incluindo a área que abrange os serviços de Saúde

A PUCRS está implementando um novo sistema de sinalização para orientar e guiar pedestres e condutores até o Campus e em seus espaços. Usando códigos universais de sinais ou símbolos, o objetivo é que as pessoas cheguem aos seus destinos com maior facilidade e agilidade.  

O projeto de wayfinding busca criar e desenvolver sistemas de comunicação entre usuários e ambientes, de forma que nos permita interagir com os espaços e a facilitar a forma como nos deslocamos por eles, sem dificuldades, além de tornar os ambientes mais acolhedores e harmoniosos. O novo sistema prevê uma sinalização clara e objetiva que vai contemplar a renovação e/ou implementação de sinalização para todos os portões de acesso, que passarão a ser numerados; para as vias internas no entorno dos edifícios de todas as unidades; para os estacionamentos e a identificação dos prédios e instalações da universidade. A primeira fase é composta pela identificação dos acessos com numeração, novo pórtico e totens que demarcam com maior assertividade as entradas do Campus. 

Melhorias no fluxo viário do entorno 

Esta primeira etapa da implantação desse novo sistema acompanha também a execução de uma série de melhorias viárias no fluxo da Avenida Ipiranga, acordadas com a Prefeitura de Porto Alegre. Após a construção de uma ponte sobre o Arroio Dilúvio, já entregue à comunidade, a Universidade fará a entrega de uma próxima etapa: a inversão do fluxo viário no acesso ao Hospital São Lucas e demais serviços de saúde, pela Avenida Ipiranga, sentido bairro-centro, que passa a valer a partir desta quinta-feira, 18 de novembro. Além de melhorar problemas crônicos do trânsito no local, a mudança contempla o aumento de circulação de veículos no acesso ao HSL, ao Instituto do Cérebro (InsCer), ao Parque Esportivo, ao Centro Clínico, entre outros. 

Como fica o trânsito no local  

 Com a inversão do fluxo, a entrada passa a ser diretamente alinhada à ponte e a saída passa a ser onde hoje está localizada a entrada, próximo ao Parque Esportivo. Na saída o trânsito se manterá basicamente como é hoje, ou seja, o veículo sairá pela Avenida Ipiranga, sentido bairro-centro. Será mantida também a saída pela Avenida Cristiano Fischer, atrás do estádio do Parque Esportivo, para veículos que desejarem seguir no sentido centro-bairro da Avenida Ipiranga.  

Para 2022, as mudanças preveem ainda a implantação de uma nova ponte, com três faixas para veículos, ciclovia e passeio. Ela será construída no alinhamento da nova saída da Quadra Norte-Campus da Saúde (entre os prédios 63 e 81), permitindo o ingresso dos veículos na Avenida Ipiranga, sentido centro-bairro. 

A inversão no fluxo viário também contempla a ampliação do número de vagas de estacionamento no hospital e considera o engarrafamento que costuma ocorrer na Ipiranga, ocasionado pelo curto espaço entre as cancelas e a rua. No novo modelo, as cancelas vão ficar cerca de 100 metros na área interna e haverá espaço suficiente para aliviar o trânsito em momentos de pico. Além de ampliar de três para seis cancelas, será instalado um pórtico que orienta a entrada de diferentes tipos de veículos, dando mais agilidade para ingresso de ambulâncias, por exemplo. 

 

Decisão pautada em estudos 

A análise que embasou a decisão constatou que 70% dos veículos que acessam o HSL e demais unidades deslocam-se pela Avenida Ipiranga, no sentido centro-bairro. Da mesma forma, verificou-se que no horário de pico da manhã (entre 7h30 e 8h30), cerca de 900 veículos acessam o HSL/outras unidades. As cancelas de entrada, hoje, ficam longe da emergência do HSL, dificultando a passagem das ambulâncias, que enfrentam todo um fluxo de veículos.  

Com o novo acesso, as ambulâncias não precisarão mais fazer o retorno na Avenida Cristiano Fischer e o acesso será diretamente pela nova ponte – agilizando ainda mais. Com a inversão do fluxo e o novo pórtico, teremos a acumulação de veículos antes das cancelas, comportando o triplo de veículos do atual.